Privações de emigrante

Fonte: Facebook de Ricardo Sousa e Aventar Não consegui aguentar. Desatei a chorar. Hoje no meu voo de Geneve para o Porto, um voo carregado de emigrantes Portugueses sentou-se junto a mim mais um deles. Nada de novo até aqui. Minutos depois de ter pedido uma sandes que apenas consegui comer metade e por trás dos…