Para recordar

>

Na edição de hoje do Portugal Diário:
Lembra-se de quanto custava a vida antes da revolução de 1974? Ainda é do tempo em que um pão custava quatro tostões e um café apenas 14? Caro na altura só a gasolina, que custava 7$50 centavos. Mas os carros até pareciam em conta: um automóvel com 1000 cc ficava por 65 contos e um BMW 2002, também novo, custava perto de 100 mil escudos.
Os professores recebiam no final do mês cerca de três contos e quinhentos. Um docente efectivo podia chegar aos sete contos por mês. Uma quantia razoável, se pensarmos que o aluguer de uma casa nova custava cerca de dois contos.
Barato ficava também uma ida ao cinema: apenas cinco escudos. O bilhete mais caro chegava à quantia de 7$50. O mesmo custava tomar um bom pequeno-almoço no café da esquina, com direito a sumo de laranja e croissant com fiambre. Já fumar era vício que ficava barato. Um maço de SG Gigante custava 6$50.
No Ultramar, durante a guerra, os vencimentos eram francamente superiores: um capitão do Exército recebia 14 contos e um alferes mais sete contos e quinhentos.
Advertisements

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s